Fabrício Peçanha lança EP pela gravadora No Definition

Autor de faixas como “Swing It”, “Mikrobass” e “Teaser”, que ganharam diversos remixes por produtores do mundo todo, Fabrício Peçanha teve o primeiro álbum Silver Lining lançado em 2013 pela Moodmusic Records, da Alemanha. Vindo de releases recentes de sucesso, dentre os quais se destacam Praia do Rosa [Stereo Productions], Back To The Sound [Teddy Bear] e Confusion [No Definition], seu novo trabalho será lançado em agosto pela gravadora suíça No Definition.


Compass conta com três faixas totalmente distintas entre si com inspirações de toda carreira do artista gaúcho, principalmente dos anos 80 e 90. Segundo Peçanha, a ideia é diversificar e atingir um público mais amplo dentro do estilo proposto. O EP em si é mais `tech`, indo, porém, para lados opostos. “Lonely Mistake” carrega uma característica deep-house, com melodias melancólicas através de camadas de pads em sintonia com os sintetizadores utilizados no lead. “Compass” é um techno com diversas alternâncias rítmicas e synths com certa tensão, que combinados com variações no rate de arpegio oscila entre um ‘groove pista’ e uma faixa introspectiva. Já “Can u feel that?” é totalmente tech-house. Com uma saturação aparente nos timbres, lembrando um pouco o electro dos anos 90, resulta em uma track pra cima que – ajudada por um break bem construído – tem tudo pra funcionar no dance floor.